O DOSSIÊ “ALFABETIZAÇÃO DE CRIANÇAS: PERSPECTIVAS EM DIÁLOGO”

Autores

  • Vania Carvalho de Araújo

DOI:

https://doi.org/10.47249/rba.2017.v1.212

Resumo

O desafio de organizar o presente dossiê, sem dúvida não está na escritura de uma síntese reveladora do exaustivo trabalho com que cada autor organizou suas ideias, seus conhecimentos, os quais agora, generosamente, tornam públicos a todos nós, mas na abertura e no respeito às diferentes abordagens nem sempre concordantes e coincidentes sobre a alfabetização. Se isso causa algum tipo de estranhamento, insistimos na prerrogativa da pluralidade, princípio básico da experiência acadêmica, traduzida como uma força intermitente que evoca, permanentemente, a desconstrução do discurso único, do pensamento único, como se estes fossem o porta-vozes da razão. Se tais premissas parecem algo sem importância, vejamos os desdobramentos que a evitação de polarização de opiniões, escolhas, atitudes, etc. tem causado quando a radicalização de determinados grupos tem propagado uma regressão da nossa democracia ao extirpar as diferenças, o dissenso, a pluralidade de ideias  da agenda pública.

Publicado

2017-01-01

Como Citar

Carvalho de Araújo, V. (2017). O DOSSIÊ “ALFABETIZAÇÃO DE CRIANÇAS: PERSPECTIVAS EM DIÁLOGO”. Revista Brasileira De Alfabetização, 1(5). https://doi.org/10.47249/rba.2017.v1.212

Edição

Seção

EDITORIAL